1

É caro ser saudável? Aprenda a lidar com esse mito!

Tem tanto mito por aí que acaba virando verdade, não é mesmo? Dizer que é caro ser saudável está nessa lista. 

Mas é bem pelo contrário, qualquer um pode alcançar o bem-estar mesmo com orçamento limitado. 

Devemos considerar que entender se é caro ser saudável também é questão de perspectiva. 

Algumas pessoas acham caro e desnecessário comprar uma roupa de treinos de marca, enquanto outras acreditam que é um investimento em um produto de alta durabilidade e garantia de qualidade. 

Você já considerou os benefícios de ter uma vida saudável, mas acha que não tem dinheiro para isso? Então vamos te mostrar o outro lado da moeda. 

Para isso, explicaremos os verdadeiros custos envolvidos nessa mudança de vida e como eles devem ser encarados. Vamos lá?

O que uma vida saudável envolve?

Quer saber se é caro ser saudável? Primeiro descubra o que realmente está envolvido nessa escolha. 

Mostraremos abaixo cada uma das características que é preciso ter para adotar um estilo de vida melhor. Cada um deles têm seus próprios custos, mas você logo vai entender o retorno financeiro e em bem-estar de investir nisso. 

Dieta balanceada

O primeiro passo para começar a ser saudável é ajustar sua dieta.

Quer dizer que você nunca mais poderá comer açúcar, gorduras, frituras ou refrigerante? Esse é um desafio imenso, mesmo para a pessoa mais dedicada. Mas não é bem isso que um bom estilo de vida vai exigir de você. 

O segredo está em balancear aquilo que você come. Ao invés de alimentar-se todos os dias com produtos industrializados ricos em açúcar, sódio e vários outros ingredientes que você não conhece, opte por alimentos mais naturais

Não tem problema comer um lanchinho de vez em quando. O segredo está em tornar essas refeições rápidas de junk food uma exceção, não regra. 

A pergunta que não quer calar: é caro ser saudável optando por uma alimentação balanceada? 

Depende muito, mas em geral alimentar-se de forma saudável pode até sair mais barato. Já parou para calcular quanto você gasta por mês comprando doces, bebidas e outros alimentos industrializados?

Comidas processadas são bem mais caras que abastecer sua geladeira com vegetais e verduras, por exemplo. 

A nossa consciência de consumo é que nos leva a julgar os preços dos alimentos. Ao perceber que alimentos orgânicos e de maior qualidade te ajudam a manter a saúde e o bem-estar, verá esse custo como investimento. 

Atividade física regular

É comum esquecermos da prática de atividades físicas até ter um objetivo específico, como perder peso. 

No entanto, essas atividades são essenciais para conseguir manter a saúde. De acordo o American College of Sports Medicine, em informação divulgada no UOL, praticar 30 minutos de exercícios moderados cinco vezes por semana já é o suficiente para manter a saúde. Quem prefere exercícios intensos pode apostar em três sessões de atividades. 

Quer saber se é caro ser saudável? Consulte o preço de uma academia na sua região. Existem vários tipos de mensalidades, desde as low cost até as mais luxuosas e com planos personalizados. Tudo depende do acompanhamento e tipo de atividade que você procura. 

Quem deseja economizar ainda mais pode praticar atividades ao ar livre que são completamente gratuitas. 

É possível correr ou caminhar pelo bairro, por exemplo. O único investimento que precisa fazer é em um bom tênis de corrida. 

Cuidados com saúde mental 

Achou que ser saudável significava só cuidar do corpo? Claro que não! A mente merece todo o cuidado possível. 

Antes de decidir se é caro ser saudável, pense nos custos com saúde que você terá no futuro. Quase todos nós levamos uma vida estressante sujeita a imprevistos. 

Como resultado, acabamos com alto risco de desenvolver doenças crônicas, como hipertensão. Ou seja, por causa da falta de cuidados com saúde mental é possível que você acabe gastando mais com remédios e consultas. Por que arriscar? 

Para manter a saúde mental em dia é importante buscar ajuda profissional quando necessário. 

Terapeutas holísticos, psicólogos e demais profissionais da saúde estão aí para ajudar a cuidar da nossa mente. Vale a pena lembrar que a procura por auxílio profissional não é necessária somente no caso de patologias ou problemas graves. 

Eles nos ajudam a prevenir as dificuldades futuras e aprender a lidar com nossos sentimentos, por exemplo.

Realmente é caro ser saudável? Como mudar de perspectiva

Ainda acha que é caro ser saudável? Já que tudo é questão de ponto de vista, chegou o momento de mudar de perspectiva. 

Veja abaixo três motivos que separamos para te convencer que – no fim das contas – não é caro ser saudável! 

1. Escolher com cuidado os investimentos

Ao consultar um nutricionista, ele explicará que tudo que você coloca na boca é um investimento. 

Cada escolha pode significar o surgimento de patologias crônicas no futuro ou reações quase imediatas do seu corpo. Por isso, precisamos escolher bem os investimentos. 

Mude um pouco seu ponto de vista e pense que optar por uma vida saudável é um investimento no banco.

Você prefere investir em algo que a longo prazo te trará prejuízo ou lucro? Com esse ponto de vista já é possível compreender que a ideia de que é caro ser saudável está errada. 

2. Encontrar marcas confiáveis de produtos naturais

É claro que mudar o ponto de vista não te faz automaticamente ser saudável gastando pouco. 

No entanto, te ajuda a abrir mão de alguns investimentos, como almoçar em fast foods, e fazer escolhas mais saudáveis, que muitas vezes são mais baratas. 

Para começar a economia encontre fornecedores de produtos naturais e saudáveis confiáveis. 

Fornecedores de verduras e legumes locais, por exemplo, produzem alimentos por um preço razoável e ainda oferecem produtos sempre frescos. 

Portanto, estude bem onde vai comprar antes de tomar qualquer decisão. A loja errada pode aumentar os custos ou piorar sua saúde. 

3. Perceber que atividade física e alimentação não são gastos

Pare de encarar atividade física e alimentação como um gasto! Já falamos que essas duas partes da sua vida são um investimento. 

Pense bem em tudo que você paga diária ou mensalmente. Aquelas compras extras adquiridas no impulso, os luxos desnecessários… isso são verdadeiros gastos no nosso investimento. 

Cuidados com a saúde e bem-estar são investimentos e valem muito a pena! Vendo a vida dessa maneira você aprende a direcionar o dinheiro para o que tem mais impacto no seu estilo de vida. 

E aí, gostou do conteúdo? Então queremos te indicar algo que não pode faltar num estilo de vida saudável: a Chlorella. Confira nesse infográfico todos os seus benefícios. 

Benefícios da Chlorella para o organismo

Deixe um comentário