1

Quais são os efeitos colaterais da Chlorella?

Você já viu algo bom demais para ser verdade? Esse é o pensamento que muitas pessoas têm sobre a Chlorella. Afinal, esse superalimento é usado para diversos fins: desde a melhoria do condicionamento físico até problemas com a flora intestinal. No entanto, surge a dúvida: quais são os efeitos colaterais da Chlorella?

Vamos falar sobre este assunto a seguir. Também trouxemos informações sobre o funcionamento da Chlorella, suas principais propriedades e benefícios. 

Boa leitura! 

Quais são os efeitos colaterais da Chlorella?

Não há uma dose diária exata para o consumo de Chlorella. No entanto, estudos recomendam uma dosagem entre 6 e 10g por dia. Esse consumo pode ser feito na forma de comprimidos/tabletes ou pó.

É possível observar alguns efeitos colaterais da Chlorella em quem exagerar na dose. Entre eles, podemos citar: 

  • Náusea; 
  • Gases;
  • Inchaço;
  • Diarreia;
  • Cólicas. 

Por isso é tão importante consultar um profissional da saúde sobre a dosagem correta para cada pessoa. Esses efeitos colaterais da Chlorella foram observados apenas em quem tomou além da dose recomendada. 

Também é importante mencionar a importância da procedência da microalga nesse assunto. Infelizmente, existem fornecedores que não se comprometem com um processo limpo na fabricação da Chlorella. Consequentemente, o produto final é comercializado com uma série de impurezas. 

O consumidor, além de não ter os benefícios prometidos, pode sofrer com efeitos colaterais da Chlorella impura. Por isso, é essencial conferir se o fornecedor possui certificados que atestem a qualidade do produto.

Os testes de pureza verificam a cor, análise nutricional e fazem exames bacterianos. Se algo vier fora do previsto e a empresa ignorar, ela coloca a saúde dos consumidores em risco. 

A Taiwan Chlorella Manufacturing é pioneira no cultivo de Chlorella e possui mais de 10 certificados de qualidade. Todos são reconhecidos internacionalmente, reforçando o compromisso da empresa de levar para o mercado apenas os melhores produtos.

Como a Chlorella atua? 

A Chlorella é um tipo de alga que cresce em água doce. Por conta do seu alto valor nutricional, é usada para fazer suplementos e medicamentos. Sua porcentagem de proteína também chama atenção, podendo atingir até 68% da composição geral. 

Quando comparada com produtos quimicamente sintetizados, é possível perceber que na composição da Chlorella há muito mais clorofila. Assim, ajuda na desintoxicação do corpo e eliminação de toxinas que fazem mal ao organismo. 

A Taiwan Chlorella Manufacturing comparou 100 gramas de Chlorella com outros alimentos de mesmo peso. Os resultados foram surpreendentes, uma vez que a microalga registrou:

  • 20 vezes mais proteínas que o leite;
  • 80 vezes mais ferro que o espinafre;
  • 5 vezes mais clorofila que o espinafre;
  • 6 vezes mais vitamina B1 que o gérmen de arroz;
  • 300 vezes mais vitamina B2 que o leite.

Como vimos anteriormente, o seu consumo é bem versátil. A Paversul, importadora exclusiva de Green Gem Chlorella no Brasil, tem em seu leque de produtos opções em comprimido/tablete e pó.

Quais são os benefícios da Chlorella?

Já sabemos que os efeitos colaterais da Chlorella só acontecem em casos de superdosagem ou produtos de procedência duvidosa. As pessoas que seguem as orientações do profissional nutricionista e compram de fornecedores confiáveis só têm a ganhar com a microalga. 

A Chlorella é usada para prevenir baixos níveis de ferro em mulheres grávidas. Ela também serve para suavizar os efeitos da depressão, cólicas menstruais, fibromialgia, colesterol alto e outras condições.

Outro benefício está nas suas propriedades anti-inflamatórias. Um dos componentes da Chlorella está ligado à melhoria dos marcadores sanguíneos inflamatórios. Isso significa que a microalga pode ser usada para diminuir o inchaço nas articulações. 

Pois é: os efeitos colaterais da Chlorella não trazem nenhum dano ao organismo humano, caso ingerida corretamente. Por isso, essa alga pode ser consumida pela família inteira, incluindo crianças, grávidas e idosos. 

Para quem busca uma oportunidade de empreendimento, esse é o cenário ideal. Sem nenhuma contraindicação, todos podem consumir a microalga. Logo, o profissional tem um amplo leque de possíveis consumidores. 

Ainda não está convencido? Clique aqui e confira 3 sinais que você precisa vender Chlorella no seu estabelecimento.

Deixe um comentário