1

Sintomas de ansiedade e depressão: vença com Chlorella

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), 9,3% dos brasileiros têm algum transtorno de ansiedade e 5,8% sofrem com a depressão.

Com isso, o país tem a maior taxa de pessoas com transtornos de ansiedade do mundo e ocupa o quinto lugar em casos de depressão.

Por isso você já deve ter ouvido falar que essas doenças são descritas como o “mal do século”. 

Isso significa que você provavelmente conhece alguém que sofra com ansiedade ou depressão ou pode estar passando por isso.

Sabemos que não é uma situação fácil, porém temos uma boa notícia: a Chlorella pode ajudar nos sintomas de ansiedade e depressão! 

Confira tudo neste artigo, que também vai explicar o que são essas doenças e como identificá-las.

O que é a ansiedade e a depressão?

Antes de tudo, é preciso entender o que são essas duas doenças.

Ao contrário do que muita gente acredita, elas não são um “combo” – ou seja, não é porque você tem depressão que também tem ansiedade e vice-versa.

Mesmo assim, é possível que uma pessoa tenha as duas doenças. 

Por isso, é muito importante entender como funciona cada transtorno e como identificar os sintomas de ansiedade e depressão.

Ansiedade

O primeiro passo é entender que a ansiedade é uma emoção normal do ser humano e todos vão senti-la em algum momento, seja ao enfrentar problemas no trabalho ou diante de decisões difíceis do cotidiano.

O que se entende por doença ou distúrbio é a ansiedade excessiva. Ou seja: quando a sensação de medo e preocupação acaba atrapalhando as atividades do dia a dia, mesmo as mais simples.  

Por isso, é muito importante ficar atento aos sintomas, que podem ser físicos ou emocionais. Os mais comuns são: 

  • alterações do sono (dormir demais ou muito pouco); 
  • falta de controle sobre os pensamentos, em especial a dificuldade em esquecer o objeto ou assunto de tensão; 
  • mãos e pés frios ou suados;
  • taquicardia; 
  • falta de ar; 
  • constante sensação de que algo ruim vai acontecer.

Depressão

A depressão é uma doença psiquiátrica crônica e recorrente que produz alterações do humor, associadas a sentimentos negativos como dor, amargura, desencanto, desesperança, baixa autoestima e culpa.

Ela também está relacionada a distúrbios do sono e do apetite.

Os sintomas de ansiedade e depressão não devem ser confundidos com a reação natural a eventos difíceis que podem acontecer na vida de qualquer um, como perda de emprego, divórcio ou falecimento de um ente querido.

Essas adversidades, por exemplo, são mesmo trágicas, mas de modo geral as pessoas conseguem superá-las. 

Na depressão, a tristeza não dá trégua, mesmo sem motivo aparente.

O indivíduo permanece deprimido o tempo todo e por muitos dias não encontra forças para realizar pequenas tarefas, como tomar banho ou sair de casa.

Todo o interesse que antes era destinado a atividades prazerosas desaparece e a pessoa acredita que nada possa ser feito para reverter o quadro.

Também é importante entender quais são as causas da depressão.

Estudos com famílias indicam a existência de um componente genético representa 40% da suscetibilidade da pessoa desenvolver depressão.

Outra causa bastante mencionada é a bioquímica cerebral, pois há evidências de deficiência de neurotransmissores em pessoas com a doença. 

Entre os sintomas mais comuns, podemos citar: 

  • humor depressivo, sensação de tristeza, autodesvalorização e sentimento de culpa;
  • falta de energia, preguiça ou cansaço excessivo;
  • falta de concentração, de vontade e de iniciativa;
  • insônia ou sonolência;
  • alterações no apetite, podendo diminuir (na maioria dos casos) ou aumentar, em especial o interesse por carboidratos e doces;
  • redução do interesse sexual;
  • dores e sintomas físicos difusos como mal estar, cansaço, dor no peito, taquicardia e sudorese.

Como a Chlorella pode ajudar nos sintomas de ansiedade e depressão?

Agora que vimos as causas e os sintomas de ansiedade e depressão, chegou a hora de entender como usar a Chlorella de aliada no tratamento e prevenção dessas doenças.

Afinal, é sempre bom optar por produtos naturais quando há a oportunidade, certo? 

Por isso, é importante saber que doses diárias de Chlorella podem ajudar no combate a depressão.

A conclusão é da Universidade Western Australia in Perth, que realizou um estudo com 92 pessoas com depressão severa.

Metade do grupo recebeu doses diárias da microalga, enquanto o outro grupo recebeu placebo.

O resultado final mostrou que aqueles que tomaram Chlorella apresentaram melhorias significativas no grau de alegria e relaxamento se comparados ao grupo do placebo.

E apesar de serem doenças diferentes, a Chlorella é benéfica para tratar ambos sintomas de ansiedade e depressão.

Isso acontece por causa do triptofano, um aminoácido essencial aromático encontrado na microalga verde

Sua principal função é ser precursor do neurotransmissor serotonina.

Tal substância é muito importante no sistema nervoso, pois é responsável pela regulação do sono, temperatura corporal, apetite e humor.

No entanto, o triptofano não é produzido naturalmente pelo organismo.

Por isso, precisa ser ingerido através dos alimentos certos, por exemplo: peixes, ovo, nozes, castanhas, leguminosas e arroz integral.

O aminoácido também pode ser consumido por meio de suplementos, como a Chlorella.

Portanto, se você conhece alguém nessa situação, converse com ele sobre a possibilidade de incluir a Chlorella no tratamento, sempre com acompanhamento médico ou outro profissional da saúde.

Ela é encontrada em tabletes/comprimidos ou pó. A Paversul é a única empresa brasileira autorizada a importar a Green Gem Chlorella, marca internacional da Taiwan Chlorella Manufacturing

Você sabia que a Chlorella tem benefícios que vão muito além do combate aos sintomas de ansiedade e depressão?

Para saber como essa microalga pode impactar positivamente na sua vida, clique aqui e baixe o infográfico sobre a Chlorella e seus benefícios para a saúde.

Benefícios da Chlorella para o organismo

Deixe um comentário